Designer de interiores, Faby Martins dá dicas de como economizar na reforma da sua casa

As reformas de casas, apartamentos e comércios, em sua grande maioria, levam sempre uma bolada de dinheiro embora. Entretanto, há algumas reformas em que se consegue realizar de forma simples, rápida e econômica, fazendo com que o solicitante pela reforma economize uma boa grana.  

Faby Martins, designer de interiores, dá algumas dicas de reformas em que você pode ter uma boa redução no orçamento final e com resultados surpreendentes.

“Ter um planejamento de obra é fundamental, é o primeiro passo. Quando não tem um projeto, não sabemos que direção a obra vai tomar, tempo necessário e o custo dela. Nossa economia já começa por aí, tendo um bom planejamento e o seguindo à risca” – diz a especialista.  

Segundo a designer de interiores, para fazer uma reforma, não necessariamente precisa ter um gasto excessivo com a obra. Sendo assim, pequenas mudanças ou itens que você possui na decoração já deixam o ambiente com cara de novo.  

“Uma opção quando se tem um orçamento reduzido é optar por reformar um ambiente de cada vez e aproveitar objetos que você já possui, reciclando-os, é uma ótima opção. Como por exemplo, envelopar móveis ao invés de comprar é a tendência do momento. Além de serem alternativas baratas, elas podem ser aplicadas em todos os ambientes como: sala, cozinha, quarto, banheiro, área de serviço e lazer” – explica ela.  

Hoje em dia, cada vez mais, pessoas têm buscado formas alternativas de materiais para suas obras e reformas, sem que perca a qualidade do trabalho, garantindo uma redução de custo no orçamento, garante Faby Martins.  

“Podemos fazer reformas modernas com materiais secundários, garantido o mesmo resultado final, com qualidade e com custo benefício mais baixo.  Hoje, devido a situação do país, as pessoas estão reformando com obra prima mais barata. Como exemplo, podemos substituir o mármore e o granito por porcelanato que imita muito bem e deixa o ambiente clean” – afirma a designer.  

A escolha dos profissionais que irão executar a reforma, também é um item fundamental a ser observado para garantir a execução de tarefas com maestria e sem imprevistos, o que minimiza o desperdício de materiais e retrabalhos futuros.  

“É melhor e mais barato você fazer bem-feito uma única vez do que fazer mal feito diversas vezes” – ressalta Faby.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.