Fernando Vasconcelos migra do setor de veículos e conquista internet com seus conteúdos sobre marketing digital

A internet cresceu muito nos últimos anos e trouxe diversas mudanças para o mundo, especialmente para quem deseja abrir um negócio digital. Através de diversas ferramentas e estratégias, essa missão tornou-se alvo de diversos empreendedores que desejam começar ou migrar um serviço para o ambiente virtual.
As oportunidades também surgem para o profissional que deseja mudar de ramo, como foi o caso do empresário e criador de conteúdo Fernando Vasconcelos. Ele comandou a Vasconcelos Veículos, empresa do setor veicular, por 9 anos e obteve muito sucesso nas vendas. Contudo, ele enxergou a oportunidade de empreender na internet quando conheceu o marketing digital e migrar totalmente para o virtual.
“Comecei a trabalhar desde cedo, informal mesmo, vendendo picolé, entregando panfleto, sendo garçom. Assinei a carteira pela primeira vez aos 16 anos e fui estudar teologia aos 17 em Belo Horizonte, deixando minha Lagoa da Prata. Ao terminar o curso, voltei para a cidade e fundei a Vasconcelos Veículos. Fui CEO e diretor por oito anos. Após vender muitos carros, enxerguei a oportunidade no marketing digital e de ter um negócio que não fosse 100% dependente de mim. O dinheiro nunca foi prioridade para mim. Já me satisfaço bastante ao ver as pessoas sentindo-se realizadas”, relata Fernando Vasconcelos.
Fundador da Vasconcelos Veículos, Fernando vendeu mais de 5000 veículos seminovos e recebeu prêmios por 5 anos consecutivos de melhor loja da região. Destaque nas redes sociais por ser uma pessoa bastante comunicativa, o criador de conteúdo fará seu primeiro evento presencial no próximo mês de setembro para quem deseja aprimorar seus conhecimentos acerca do meio digital e suas possibilidades.
“Fiquei 100% no mercado digital em dezembro de 2019 e tratei de me aproximar de pessoas que já possuíam resultados no ramo. Obtive grandes resultados, mais do que eu imaginava. Cheguei a cogitar desistir do mercado, pois estava com um ROI muito baixo. Pensei em voltar para os veículos, mas minha determinação e resiliência foram cruciais para me manter no meio digital. Comecei minha própria distribuidora de encapsulado e transformei de vez a minha vida. Em julho deste ano, resolvi abrir a “Destravando Mentes”, minha própria mentoria, onde obtive a satisfação de todos os participantes. Foi só o começo de uma série de encontros que realizarei, seja no virtual ou no presencial”, explica.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.